top of page

Espiritualidade em Missão – XIX Mensagem da Comissão Internacional de Missão Marista

A XIX mensagem da Comissão Internacional de Missão Marista intitulada “Espiritualidade na missão e missão na espiritualidade”, convida todos os envolvidos na missão marista a viver, expressar, integrar e encorajar a espiritualidade em todos os aspectos de suas ações. E almeja “que todos os espaços da missão exalem e facilitem uma experiência espiritual vital, contemporânea e marista que permita a todos um contato real com o Espírito de Deus e o Evangelho, vivo e presente.”

A mensagem, elaborada pelo Ir. Francis Jumbe, em nome da Comissão, recorda que a dimensão espiritual “está intimamente ligada à nossa identidade institucional.”. Ela enfatiza dois aspectos fundamentais da missão: “Tornar Jesus Cristo conhecido e amado” e ajudá-los a serem “bons cristãos e virtuosos cidadãos”, visto que a missão das obras maristas “é ajudar as crianças e os jovens a terem uma experiência de humanidade, fé e vocação.”

O texto destaca a necessidade de desenvolver a espiritualidade e a interioridade como parte de um modelo educacional transformador e contemporâneo em obras educacionais:

“Nos programas de formação maristas, a dimensão espiritual desempenha um papel muito importante e está intimamente ligada à nossa identidade institucional. Os nossos programas de formação respeitam a pessoa humana, fomentam a solidariedade e criam oportunidades para experimentar um sentido de transcendência”.

O documento valoriza as ações que já estão sendo tomadas para viver a espiritualidade marista, mas considera que “ainda precisamos de mais espaço para garantir que os valores do Segundo Apelo do Capítulo Geral nos ajudem a viver uma espiritualidade profunda e transformadora de vida (tais como profecia, misericórdia, fraternidade, interioridade, vida quotidiana, alegria, inclusão, plenitude, testemunho, unidade etc.).”

A mensagem defende a importância de continuar a renovar criativamente e facilitar programas regulares de formação sobre espiritualidade e interioridade para professores, estudantes, crianças, jovens e pessoal” e pede que “todos os maristas de Champagnat (irmãos e leigos), a serem conscientes e consistentes na nossa forma de viver a espiritualidade marista.”

Através desta XIX mensagem, a Comissão Internacional convida todos os maristas a viverem a missão em maneira profética hoje e sublinha que “procuramos facilitar um encontro com Deus e com o Evangelho, especialmente por parte das crianças e dos jovens. Estamos convencidos de que este encontro é transformador e profético, significativo e libertador.”

bottom of page