top of page

A 6ª Assembleia da Região América Sul já começou

42 membros dos Conselhos Provinciais, o Conselho Regional e convidados da Administração Geral do Instituto Marista estão reunidos em Cochabamba, Bolívia, para rever a caminhada regional e acordar os próximos passos.

O primeiro dia oficial da sexta Assembleia Regional da Região América Sul começou com uma oração cantada liderada pela Província do Brasil Centro-Sul, que foi seguida de um momento de reflexão e interiorização.

Depois o Secretário Executivo da Região América Sul, Leonardo Soares, fez uma apresentação geral da Região, com um relato dos progressos dos últimos anos, fazendo uma comparação em números entre 2016 e 2022. Também aproveitou o momento para explicar como as iniciativas regionais estão avançando atualmente, todas elas em consonância com o Planeamento Estratégico regional.

Continuando o dia, o Vigário Geral do Instituto Marista, Irmão Luis Carlos Gutiérrez, apresentou o contexto atual de mudanças no Instituto Marista, destacando três aspectos dentro dos apelos do último capítulo: o impulso da vida no ano das vocações, questões relacionadas à identidade Marista, entre elas a diminuição de irmãos, o crescimento do Instituto e a transformação que exige uma resposta diferente de como viver a vida religiosa no mundo contemporâneo.

Irmão Luis Carlos, convidou a todos a refletir sobre a estratégia de regionalização definida pelo Governo Geral para que as Províncias se possam ajudar umas às outras. A regionalização baseia-se numa Família carismática que responde à sua realidade regional, convidando à sua evolução, apelando à criação de uma comunidade de vida e ao diálogo com uma cultura vocacional.

Depois, o Irmão Patricio Pino conduziu um momento de integração, no qual os participantes foram convidados a dialogar e aprender mais sobre a realidade da Região e das Províncias que a compõem (Brasil Centro-Norte, Brasil Centro-Sul, Brasil Sul-Amazônia, Cruz del Sur e Santa Maria de los Andes).

Após o almoço, e na linha do que foi apresentado pelo Vigário Geral, o Irmão Óscar Martín, Conselheiro Geral do Instituto, fez uma série de perguntas sobre a regionalização da América do Sul. Na sua apresentação, falou dos estatutos, dos princípios e reviu a Visão 2022 da Região, perguntando aos presentes como tem progredido, destacando o Carisma, a Liderança, a Integração e a Cooperação como os principais valores.

Discutiu também as prioridades e desafios que a região enfrenta e as prioridades de cada uma das cinco Províncias. O Ir. Oscar salientou que as pessoas devem ser colocadas no centro e que o próximo Plano Estratégico deve permitir que a região as atinja. O Conselheiro convidou a todos a terem em mente quatro áreas de desenvolvimento regional: formação, redes educativas, economia e comunidades.

Na sequência do itinerário, o Ir. Gregorio Linacero da Administração Geral falou sobre a interligação da região com as iniciativas do Instituto, revendo os Secretariados e Redes Maristas existentes. O Ir. Gregorio salientou que o processo de regionalização está alinhado com o Plano Estratégico da Administração Geral e a importância de uma nova liderança para o seu sucesso. A região da América Sul tem representantes em quase todas as iniciativas do instituto, gerando ligações de colaboração e disponibilidade.

À tarde, iniciaram-se as sessões temáticas, onde os participantes foram divididos em sete grupos de trabalho para discutir e ouvir os diferentes tópicos. Isidro Azpeleta, convidou os presentes a refletirem sobre o principal desafio de cada Província nesta área e qual a prioridade que a região deveria ter nos próximos 5 anos. O segundo tema foi Espiritualidade Regional, animado por Gustavo Balbinot.

O primeiro dia terminou com uma Eucaristia. A 6ª Assembleia Regional prosseguirá até quinta-feira, 23 de março.

Convidamos você a manter-se atento às nossas comunicações para se manter a par de todas as informações sobre a Região.



Comments


bottom of page